home    work    mail
Pesquisa interna
Farmácias Hospitalares
15.01.2008

Farmácias Hospitalares

O presente governo socorreu-se da Autoridade da Concorrência para tentar sustentar a sua vontade política de "liberalizar" o sector das farmácias.

Esta, escolheu as permissas que, devidamente sofismadas, resultassem nas conclusões pretendidas por aquele.

Assim se legislou por forma a que a panaceia da livre concorrência (ao olhos da AdC até então inexistente) resolvesse os graves problemas do sector...

Do pacote legal surgem as originais "Farmácias Hospitalares". Na lógica de shopping center estas unidades vão pagar uma renda fixa pelo espaço e percentagem sobre as vendas servindo para financiar a unidade hospitalar onde se inserir.

Abertas 24h por dia, 365 por ano, dentro das instalações de unidades emissoras de receituário cuja população aí trabalha ultrapassa largamente a capitação estabelecida para a abertura de uma farmácia. Será a problemática da concorrência beliscada?
Ou será business as usual...

Entretanto a Ordem dos Farmacêuticos enviou ao provedor de Justiça um pedido de verificação da constitucionalidade do diploma que permite a criação destas unidades.

Estamos curiosos para ouvir o que nos têm a dizer Abel Mateus e Nascimento Rodrigues.
«
Copyright © 2007 Farmácia Marques - Todos os direitos reservados - Powered by LV Engine